Venda de carros novos registra nova alta em novembro

Aumento foi de 7,30% frente a outubro, mas houve retração de 24,84% na comparação com novembro. Expectativa é que as projeções se confirmem

Onix - Caderno Garagem
Chevrolet Onix foi o carro mais vendido do Brasil em novembro

A Fenabrave, entidade que reúne os donos de concessionárias no País, apresentou ontem (2) seu balanço mensal de vendas, com destaque para a elevação de 7,30% nas vendas de automóveis e comerciais leves em novembro comparado com outubro. Foram emplacados 161.027 veículos no mês passado, contra 150.068 no período anterior. Foi o primeiro registro de crescimento, após cinco meses consecutivos de queda na comercialização de automóveis novos.

As vendas acumuladas também registraram alta, de 3,66%, totalizando 1.780.906 unidades licenciadas desde janeiro, frente às 1.718.010 registradas no mesmo período do ano passado. “Após cinco meses de quedas seguidas, o setor reagiu em novembro, e acredito que podemos fechar o ano dentro das nossas projeções de crescimento (11,1% para o ano de 2021), declarou Alarico Assumpção Júnior, presidente da Fenabrave. “Dados os desafios enfrentados nos últimos meses, como a crise de abastecimento global e alta de juros no País, penso que é um ótimo desempenho, ainda que sobre uma base comparativa mais baixa, de 2020”, completou.

O dirigente, contudo, não se empolga, mesmo mantendo o otimismo. Além da crise global de insumos – com ênfase nos semicondutores – que segue afetando a indústria de maneira geral, o desempenho da economia segue como motivo de preocupação. “A disponibilidade de veículos tem modulado o ritmo desse segmento (automóveis e comerciais leves). A oferta e a aprovação de crédito continuam em bons patamares”, afirmou Assumpção Júnior, que aproveitou para lembrar, novamente, que as altas recentes nas taxas de juros podem impactar nos financiamentos e, consequentemente, nos emplacamentos nos próximos meses.

Fiat Strada - Caderno Garagem
Fiat Strada segue como modelo mais vendido do País no ano

Retorno da Chevrolet

No ranking dos veículos mais vendidos em novembro, a novidade foi a volta dos modelos Chevrolet (Onix e Onix Plus) às primeiras colocações. O hatch foi o automóvel mais emplacado no mês, com 9.327 unidades, seguido pela picape Fiat Strada, com 8.535 exemplares. A terceira posição ficou para o Onix Plus, com 7.521 carros, enquanto o “interminável” VW Gol (6.866 emplacamentos) foi o quarto e o Fiat Argo fechou o top 5 com 6.340 modelos licenciados.

A curiosidade do mês ficou com o reestilizado Hyundai Creta que, mesmo sendo alvo de diversas críticas por conta de seu visual controverso, foi o SUV mais vendido em novembro, com 6.099 unidades, à frente de Chevrolet Tracker (6.073), Jeep Compass (5.287), Volkswagen T-Cross (4.725) e de Jeep Renegade (4.233). Já no acumulado de janeiro a novembro, a dupla da Fiat (picape Strada e Argo) segue na liderança, com 100.049 e 80.135 unidades emplacadas, respectivamente. Hyundai HB20 (78.529 exemplares), Jeep Renegade (69.621) e Fiat Toro (65.754) completam a lista dos cinco veículos mais licenciados no ano. Entre as marcas, a Fiat continua no topo da lista, com 395.581 unidades, seguida de Volkswagen (274.613), Chevrolet (208.432), Hyundai (167.071) e Toyota (154.066).