Começou a chover forte? Evite a aquaplanagem

Dirigir com a pista totalmente molhada é um risco para a segurança do motorista

 

Um dos maiores vilões do motorista ao dirigir debaixo de chuva forte não é apenas a visibilidade comprometida. É preciso redobrar os cuidados ao volante para evitar a aquaplanagem, nome dado à perda de aderência dos pneus com a pista coberta por uma camada de água.

Quando isso acontece, as rodas travam, o automóvel pode se descontrolar e o risco de acidente é enorme. Em caso de chuva, portanto, o motorista deve reduzir significativamente a velocidade. Afinal, quanto maior ela for, menor é o tempo que os sulcos dos pneus têm para drenar a água, comprometendo o atrito com o asfalto.

Veja algumas dicas preciosas para impedir a aquaplanagem e, consequentemente, não por a sua segurança e a de outras pessoas em xeque:

  • Em pista molhada, diminua a velocidade em 30% em relação ao limite permitido no local. Assim, se a sinalização da rua mostrar 60 km/h, ande no máximo a 40 km/h. Se precisar frear ou acelerar, pise no pedal com cautela. Ao fazer uma curva, diminua ainda mais a velocidade. 
  • Mantenha distância do carro à frente e preste atenção na trilha dos pneus deixado por ele. Se os sinais desaparecerem rapidamente, é porque há muita água acumulada na pista. Ou seja, vá devagar.

  • Não acione o piloto automático sob chuva forte. O automóvel tende a reconhecer o acúmulo de água com certo atraso e pedir mais potência, aumentando o risco.
  • O controle eletrônico de estabilidade (ESP) e os freios ABS não dispensam um estilo de condução cautelosa debaixo de chuva. Embora usem técnicas avançadas de frenagem, os sistemas também estão condicionados ao contato com a pista para funcionar bem. Eles não foram feitos para evitar a aquaplanagem.
  • Os pneus devem estar sempre conservados e calibrados. Ao contrário disso, eles retêm a água com mais facilidade.
  • Se o pior aconteceu e você já está enfrentando uma aquaplanagem, não pise no freio de uma vez para que o carro não perca totalmente o controle. Tampouco vire bruscamente a direção, manobra que pode fazer o veículo rodar da pista.