Sempre alerta! O perigo de dirigir cansado ou com sono

Estudos indicam que aproximadamente 30% dos acidentes de trânsito são causados por motoristas sonolentos ou cansados. Saiba como evitar esse problema

Fadiga - Caderno Garagem
Sonolência é a causa de 42% dos acidentes de trânsito no Brasil

Todo motorista consciente sabe que é preciso estar sempre atento no trânsito para evitar acidentes. Para ilustrar, basta lembrar que, de acordo com estudos realizados na Europa, aproximadamente 30% dos acidentes de trânsito são provocados por sonolência ou cansaço ao volante. No Brasil, esse número tende a ser ainda maior, já que a pesquisa mais recente sobre o problema foi feita há dois anos pela Academia Brasileira de Neurologia, em parceria com o Conselho Regional de Medicina e a Associação Brasileira de Medicina de Tráfego (Abramet) e indicou que 42% dos acidentes estavam relacionados à sonolência.

No trânsito urbano, por conta do anda e para e dos congestionamentos, o problema mais comum enfrentado pelos motoristas são as distrações provocadas pelo cansaço, assim como pelo estresse. Assim, ajustar o banco e dirigir sempre na posição mais correta possível é fundamental para reduzir os efeitos que longos períodos ao volante podem provocar. Manter a cabine ventilada e arejada – com o auxílio do ar-condicionado, se possível – ajuda bastante.

Já para quem vai viajar, a principal recomendação é planejar com antecedência, estabelecendo paradas a cada duas horas de viagem, aproximadamente. Se estiver sonolento, um breve cochilo (cerca de 20 minutos) é a melhor indicação, desde que não se estenda muito, já que dormir por duas horas, por exemplo, pode deixar a pessoa ainda mais sonolenta.

Fadiga - Caderno Garagem
Veículos mais modernos contam com sistemas de alerta de fadiga

Se o problema for o tempo ao volante, o melhor é aproveitar a parada para esticar as pernas caminhando um pouco e realizando exercícios de alongamento. Se estiver viajando com a família, a interrupção na viagem vai fazer bem a todos. Não se pode esquecer a hidratação, evitando refrigerantes ou outras bebidas gaseificadas. Chá ou café são opções interessantes e que ajudam a espantar o sono.

Se for se alimentar, dê preferência a opções leves – evite frituras ou comidas com muita gordura, que necessitam de mais tempo para serem digeridas. E mais: lanches ou bebidas a bordo, só para os passageiros, pois comer ou beber dirigindo (ou seja, com apenas uma das mãos no volante) é infração média, sujeita a multa de R$ 130,16 e penalidade de quatro pontos no prontuário do motorista.

Fadiga - Caderno Garagem
Os sistemas de alerta de fadiga mais sofisticados usam câmeras para monitorar o comportamento do motorista

Outra dica importante é aproveitar o período parado para arejar o interior do veículo. Com o clima quente, algumas pessoas têm o hábito de deixar o carro fechado com o motor funcionando e o ar-condicionado ligado para resfriar a cabine. O recomendável, contudo, é renovar todo o ar no interior do veículo antes de prosseguir viagem, basta deixar o carro à sombra e com as janelas abertas durante alguns minutos. Se estiver muito calor, rodar alguns minutos com os vidros abertos, antes de ligar o ar-condicionado novamente também ajuda.