Honda mostra sua estratégia de carros elétricos para o futuro

Empresa revelou três conceitos que serão produzidos na China em 2024, mas que já têm previsão para serem exportados

Honda - Caderno Garagem
Conceitos e os novos SUVs elétricos apresentados pela Honda

Uma nova divisão que contará com dez novos modelos totalmente elétricos construídos inicialmente na China, mas já com planos de serem exportados. Assim é a linha e:N, cujos primeiros três carros-conceito foram apresentados pela Honda durante um evento naquele país asiático. Os modelos foram batizados como e:N SUV, e:N GT e e:N Coupe, e segundo a montadora, a ideia é que toda a gama chegue às lojas até 2030.

De acordo com a fabricante, os três carros-conceito têm como base a nova plataforma elétrica da empresa, que foi projetada para receber veículos com tração traseira ou integral. Nenhuma informação sobre desempenho ou especificação técnica dessa nova estrutura foi revelada. É quase certo que o design radical dos modelos expostos será atenuado nas versões definitivas.

A Honda afirmou que os três novos modelos entrarão em produção comercial na China em 2024 em “fábricas de produção de veículos elétricos altamente eficientes e ambientalmente responsáveis”, mas os detalhes sobre as metas climáticas das plantas e dados sobre o fornecimento de energia dessas unidades ainda estão para serem confirmados.

Honda - Caderno Garagem
Os conceitos elétricos da Honda

Novo SUV elétrico na China

Além dos três veículos conceito, a Honda apresentou um novo SUV totalmente elétrico, que será comercializado somente no mercado chinês e que terá duas variantes, o e:NP1 e o e:NS1. Montado sobre a plataforma e:N Architecture F da Honda, desenvolvida para veículos compactos elétricos de tração dianteira, o novo SUV tem autonomia para rodar até 311 milhas ou quase 500 km.

Honda - Caderno Garagem
A gama será identificada por esta logomarca

Apesar de serem o mesmo carro, basicamente, e:NP1 e e:NS1 são fabricados por empresas diferentes (parceiras da Honda por meio de joint ventures locais). O e:NS1 tem características mais esportivas em relação ao e:NP1 e ambos devem começar a serem vendidos naquele país no segundo trimestre do próximo ano. A Honda não confirma, mas esse SUV pode servir de base para um novo modelo que será oferecido no mercado europeu, também em 2022.

Informações não confirmadas indicam que o novo SUV contará com um motor de 180 cv ou 201 cv, mas que a velocidade máxima será limitada a 150 km/h, independentemente da motorização. O modelo também deve trazer um conjunto de programas de assistência ao condutor 360° com sistema de condução autônoma mais avançado do que o atual, disponível em todos os modelos da marca.

Honda - Caderno Garagem Honda - Caderno Garagem