Baby Jag: itens de recém-nascido e preço de gente grande

SUV Jaguar E-Pace custa R$ 376.950, mas fica devendo itens de série

Jaguar E-Pace - Caderno Garagem

A Jaguar está lançando o E-Pace repaginado que, ao lado do modelo elétrico I-Pace e do SUV esportivo F-Pace, complementa a família Pace no mercado brasileiro. Os preços partem de R$ 376.950, valor bem elevado para um carro que fica devendo em itens de série.

Apelidado de Baby Jag, o modelo vem equipado com motor flex Ingenium, de 249 cv de potência, associado à transmissão automática de nove velocidades. Com esse conjunto, o carro chega a 229 km/h de velocidade máxima e acelera de 0 a 100 km em 7,5 segundos.

O design ficou um pouco mais parrudo e com aparência luxuosa. Na frente, as alterações começam pela abertura inferior e um novo design de malha para a grade, com detalhes no formato de diamante. Novos faróis com assinatura Double J em LED de última geração são opcionais (para um carro de quase R$ 380.000?) e garantem visual mais agressivo ao veículo.

Jaguar E-Pace - Caderno Garagem

Na traseira, o Baby Jag recebeu importantes aprimoramentos, como novos para-choque e saídas de ar, lanternas traseiras em LED inspiradas no I-Pace e rodas esportivas de 18 polegadas pretas com acabamento diamantado.

O interior apresenta proposta luxuosa, com conectividade melhorada e requinte na cabine. A tela curva sensível ao toque de 11,4 polegadas, integrada ao centro do painel, controla o sistema de infoentretenimento Pivi Pro. A monitor possui dois revestimentos: um antibrilho e outro que minimiza as impressões digitais.

A Pivi Pro possui funcionalidades como integração do calendário do Google e do Microsoft Outlook, streaming de mídia e download de atualizações Sota (software over the air), que permite aos clientes baixarem atualizações de software sem precisar ir à concessionária.

Jaguar E-Pace - Caderno Garagem

O motorista tem acesso fácil ao seletor de marchas e ao dispositivo de carregamento sem fio para smartphone (opcional, novamente. Não se esqueça: o carro custa quase R$ 377.000!). Todos os pontos de contato do motorista no cockpit do E-Pace são feitos de materiais macios, enquanto a área de contato do lado do joelho foi projetada para proporcionar ergonomia e conforto.

A alta qualidade dos materiais estende-se por toda a cabine, com detalhes metálicos nos alto-falantes e nas saídas de ar-condicionado. O volante, mais moderno e intuitivo, foi inspirado no I-Pace. Teto solar panorâmico e bancos dianteiros elétricos com 12 ajustes também integram o interior do E-Pace.

As atualizações na arquitetura estrutural asseguram direção mais dinâmica e reduzem a vibração e o nível de ruído da cabine. O sistema inteligente da tração integral do E-Pace emprega a tecnologia Standard Driveline de segunda geração, que distribui automaticamente o torque entre as rodas dianteira e traseira.

A tecnologia Driver Condition Monitor detecta se o motorista está começando a se sentir cansado, alertando-o para fazer uma pausa. Para isso, ela utiliza dados coletados pelo sistema, como direção, aceleração no pedal e comportamento geral de condução. Já o controle de velocidade adaptativo, que mantém distância programada do carro à frente, é mais um dispositivo opcional de um automóvel beirando os R$ 400.000.

De fato, o Baby Jaguar oferece equipamentos de série compatíveis ao de um recém-nascido, mas com preço de gente grande.